terça-feira, 27 de julho de 2010

Contradições ou realeza

Ser porque está escrito, 
Ou escrever por que é?
A paixão faz dessas coisas
Frases sem sentido.
Pra quem lê não pra que escreve
Não diria só a paixão
Sim todo o estado em que me encontro
A final nada é por acaso
Tudo tem uma razão
Se algo for quebrado, 
Tem sempre alguém pra consertar
Tudo tem seu tempo
O passado voa deliberadamente. Como um pássaro
Em diversas direções
Mais sempre acaba voltando para o seu presente
Assim como um pássaro para o seu ninho.
 Como entender e pré ver o que a de vim.
Ao ser que me faz chorar
Ao que talentosamente me faz sorrir.
Como reclamar da dor da despedida
Se eu me despeço lembrando o prazer do reencontro
Se tudo tem seu tempo espero que eu não demore muito.
Ser irracional ao ponto de ter razão ao ser assim não é contraditório?


Weskley Jakson Pereira
28/05/2007

Nenhum comentário: